Sintomas de Infecção Urinária: Como tratar e quais as causas

Início » Artigos » Sintomas de Infecção Urinária: Como tratar e quais as causas

Os sintomas de infecção urinária podem ser diversos, portanto, para compreender sobre a doença é preciso entender como ela age. Deste modo, esta inflamação da bexiga pode atingir ambos os sexos e trazer diversos problemas de saúde.

Para quem não tem conhecimento e deseja saber a respeito do problema pode acompanhar o artigo. No texto vamos abordar diversas questões relacionadas à infecção. Boa leitura!

O que é infecção urinária

A infecção urinária acontece devido às bactérias que atingem as regiões do trato urinário. O problema é causado pela bactéria Escherichia coli, que vive no intestino e é fundamental para a digestão.

Este problema pode atingir qualquer parte do sistema urinário, desde os rins, a uretra, bexiga e uréteres. Mas geralmente ela atinge a parte inferior do trato urinário, na qual faz parte da bexiga e uretra.

Para estes locais a infecção pode seguir na uretra (uretrite), a bexiga (cistite) ou os rins (pielonefrite).

Causas da infecção urinária

A infecção é causada pela Escherichia coli, mas as mulheres podem sofrer mais, já que a uretra fica próxima do ânus, diferente dos homens. Devido a isto pode contribuir para a entrada das bactérias que vivem no intestino.

Os homens a distância da uretra é maior, portanto, existe uma maior dificuldade da infecção devido às bactérias da região anal.

Entretanto, a infecção ocorre devido a outras condições, como consumo de pouco líquido, gravidez, segurar o xixi, diabetes, constipação e obesidade.

Veja aqui sobre Candidíase: Tratamentos para Candidíase

Sintomas de infecção urinária

Os sintomas de infecção urinária são variados, a seguir, segue alguns a seguir:

  • Vontade de urinar com frequência;
  • Ardor durante a micção;
  • Febre;
  • Micção noturna;
  • Sensação de esvaziar por incompleto a bexiga;
  • Sangue na urina;
  • Dor suprapública;
  • Mudança no aspecto físico da urina (cor, odor forte e aparência turva).

Nos casos graves os sinais podem vir acompanhados de febre, mal-estar, além da dor lombar.

Formas de diagnóstico

sintomas de infecção urinária

A infecção urinária quando não recebe tratamento pode causar diversos devido a estes micros organismos que entram pela uretra. Estas bactérias podem chegar à bexiga e rins e causar dores fortes.

Para ter o diagnóstico é necessária uma consulta, assim é feito um exame de urina para ver a quantidade de bactérias presentes na coleta. Caso o número seja superior a 100 mil bactérias por mililitro a doença é diagnosticada.

Conforme o nível da infecção pode ser pedido um histórico do paciente, além de outros exames. Estes podem incluir ultrassom do abdômen, pelve, urografia excretora, cintilografia renal, entre outros.

Lembrando que mesmo que esta doença não é uma enfermidade específica do sexo masculino ou feminino, as mulheres apresentam predisposição, devido à uretra estar próximas ao ânus.

No geral, os exames são:

  • Exame de urina tipo I;
  • Verificar histórico clínico do paciente e os sintomas;
  • Urocultura com antibiograma.

Caso sentir dor ao urinar ou ardência o indicado é procurar sempre um médico, já que a infecção pode comprometer os órgãos do trato urinário.

Tratamento: como é feito

Para tratar o problema o médico pode receitar o uso de antibióticos ou quimioterápicos. Todo medicação passado tem relação com o tipo de bactéria apresentada no exame laboratorial de urina.

Como as mulheres são recidivas e frequentes com o tratamento a risca a probabilidade de cura é maior. Sendo assim, é preciso seguir o tempo de medicação, mesmo que os sintomas tenham sumido nas primeiras doses.

Prevenção contra os sintomas de infecção urinária

Para manter sua saúde, e evitar a incidência, procure tomar muita água. O consumo do líquido ajuda e eliminar as bactérias que estão na bexiga.

Além disso, procure urinar com frequência, portanto, evite reter a urina por longos períodos, além de urinar depois das relações sexuais, pois eliminam as bactérias que ficam no trato urinário.

O cuidado pessoal é fundamental, portanto, mantenha a vagina e região do ânus limpa. Após evacuar procure passar o papel de frente para trás e se possível lave com água e sabão.

O uso de roupas íntimas justas pode reter o calor e umidade e contribuir para proliferação de bactérias. Assim como os absorventes higiênicos devem ser trocados para evitar a proliferação bacteriana.

O consumo de fumo, álcool, temperos fortes e cafeína também contribuem para a irritação do trato urinário. De qualquer forma, para manter o cuidado com a saúde, logo que identificado o sintomas de infecção urinária o indicado é procurar um médico para acompanhamento, para que seja possível iniciar um tratamento.

error: