Gordura Trans – Mal para a saúde

Início » Artigos » Gordura Trans – Mal para a saúde

Desde 2006, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) obriga todos os fabricantes a indicar no rótulo a quantidade de gordura trans presente nos alimentos.

Por outro lado, o Ministério da Saúde também tenta acabar com a utilização dessa gordura, pois estudos científicos comprovam seus malefícios à saúde.

Gordura trans é a transformação do óleo vegetal em gordura sólida. Também conhecida como óleo hidrogenado, ela é encontrada principalmente em alimentos industrializados, pois serve para dar consistência aos alimentos.

Ela é extremamente prejudicial à saúde: além de aumentar os níveis de colesterol ruim, o LDL, também diminui a taxa de colesterol bom, o HDL. E isso significa elevar o risco de arteriosclerose, infarto e acidente vascular cerebral.

Em geral, as gorduras vegetais, como o azeite e os óleos, são bons para a saúde. Porém, quando passam pelo processo de hidrogenação ou são aquecidas, as moléculas são quebradas e a cadeia se modifica.

gordura trans mal para saúde

A Gordura trans não é sintetizada pelo organismo. O Ministério da Saúde determinou que é aceitável consumir até 2g da gordura por dia, o que equivale a quatro biscoitos recheados.

Os alimentos que mais contém gordura trans são bolachas, pipocas de micro-ondas, chocolates, sorvetes, salgadinhos e todos os alimentos que possuem margarina em sua composição.

É importante estar atento às informações nutricionais, bem como à lista de ingredientes.

error: